TDC 2019
Florianópolis
Um dos maiores encontros de comunidades e empresas no Brasil

Trilha Arquitetura de Dados Discutir e compartilhar experiências sobre arquitetura de dados RDBMS e NoSQL

Nos dias de hoje com a infinidade de tecnologias de armazenamento de dados disponíveis, é imprescindível que tenhamos uma arquitetura bem definida para tirarmos melhor proveito de nossas bases de dados.

Utilizar um conceito ou uma classe específica de banco de dados para uma ou outra aplicação dependendo do que ela se trata!

Palestras

Importante: A grade de palestras está sujeita a alterações sem prévio aviso.
Conteúdo
08:00 às 09:00 Credenciamento e recepção dos participantes

Todas as pessoas inscritas, palestrantes, coordenadores e de imprensa, devem retirar seus crachás e kit do congressista nos balcões de credenciamento localizados na entrada do evento, para obterem acesso às salas e Auditório Principal.

09:00 às 10:00 Abertura do evento no Auditório Principal

Após o credenciamento, convidamos os participantes a comparecerem ao auditório para receberem as boas vindas por parte dos realizadores e patrocinadores.

Neste keynote de abertura, todos serão orientados sobre o funcionamento do evento, destaques e outras novidades.

10:10 às 11:00 Distributed Data Patterns: CQRS e Event Sourcing
Edson Yanaga

"Tamanho Único" não é algo que se possa aplicar a dados distribuídos. Diferentes tipos de dados requerem diferentes abordagens de como distribuir e manipular os dados.

Taxa de geração? Expiração? Push ou Pull? Legado ou novo? Cache ou leitura direta? Event Sourcing? Eventos de negócios ou de baixo nível? Confira nesta palestra e veja como diferentes tecnologias tais como Virtualização de Dados, Change Data Captura, In-Memory Data Grids, Reactive Programming e muito mais podem ser aplicados para resolver uma grande variedade de problemas de distribuição de dados diferentes.

Construindo Uma Plataforma Data-Intensive do Zero
Vinícius Cousseau

Construir e preencher uma base de dados estruturados de um domínio específico é um desafio por si só. Essa tarefa se torna ainda mais desafiadora quando surge a necessidade desses dados serem acessados e manipulados tanto por usuários humanos quando algoritmos de processamento em batch, em escalas e padrões diferentes.

Falaremos sobre o processo de desenvolvimento da nossa plataforma de lugares e estabelecimentos do mundo, os desafios que encontramos e como tudo isso pode se aplicar a desenvolvedores enfrentando situações similares. A palestra abrangerá APIs em escala industrial, event sourcing, databases, jobs Spark e como conectá-los para criar uma plataforma de dados.

11:10 às 12:00 Como a plataforma de buscas do ifood funciona
Lucas Viecelli

Nessa palestra vou abordar todos os desafios que tivemos pra implementar um novo modelo de buscas, que fosse mais fácil de implementar novos recursos e escalar. Mostrar resultados de performance e decisões importantes que influenciaram o modelo adotado.

12:10 às 13:00 Criando e gerenciando réplicas geo-localizadas no SQL Azure
Wiluey Queiroz de Sousa

Após migrar seus dados para o SQL Azure, como ativar a geo-replicação e como usar as replicas para acesso aos dados? Quais os ganhos e os possíveis Gaps? Se for necessário ativar mais réplicas, como fazer o processo de encadeamento? Abordaremos as melhores estratégias e os benefícios desta arquitetura.

Azure and Starburst Presto - Querying for Big Data Environments
Arthur Luz

Nesta sessão será possível aprender sobre o Starburst Presto. Ele é uma ferramenta de Bid Data Query Engine. Aqui você aprenderá não somente como instalá-lo em ambiente de Azure como também como usá-lo para executar consultas em seu ambiente híbrido de dados e/ou Data Lake.

13:10 às 14:00 Intervalo para Almoço
Uma excelente oportunidade de todas as pessoas no evento interagirem e trocarem ideias, colaboradores, empresas patrocinadoras e apoiadoras, palestrantes e coordenadores.
14:10 às 15:00 A Nova Era dos Bancos de Dados Multi-Modelo
Fernando Melo

Cada vez mais os sistemas precisam de diferentes tipos de persistência para resolver problemas específicos. Ao mesmo tempo que surgem dezenas de bancos de dados especializados em determinadas tarefas, também crescem as complexidades de integração, segurança e governança dos dados. A evolução da capacidade "Multi-Modelo", que por meio de APIs oferecem aos desenvolvedores vários tipos de persistência no mesmo banco de dados, surge como uma alternativa para possibilitar o armazenamento poliglota sem os trade-offs de ter que lidar com várias tecnologias diferentes.

Vantagens e desvantagens do modelo Self Service Business Intelligence
Rodrigo Dornel

Nessa palestra vamos abordar as principais vantagens e desvantagens de se utilizar ferramentas de BI Self Service como Power BI, Qlik Sence , Tableau e afins. Quais os impactos dentro da minha organização em relação a desempenho, segurança e principalmente gestão dos dados que são consumidos e transportados dentro dos computadores de meus colaboradores.

15:10 às 16:00 Processamento distribuído: Como processamos milhões de dados diariamente com EMR.
Leonardo Rifeli

É cada vez mais difícil o processamento de grande quantidade de dados, alinhando o baixo custo, maior extração de inteligência e ganho na qualidade das informações extraídas.

Nesta palestra, apresentarei os desafios e lições aprendidas com o projeto desenvolvido aqui na reviewr.me, onde consolidamos e processamos milhões de dados diariamente. Um case que mostra como atingimos baixíssimo custo, alta performance e qualidade.

BigQuery - Pulos do gato de quem já sofreu
Rafael Barbosa

Quem já pensou em usar BigQuery com certeza tomou um susto ao fazer as contas de quanto gastaria. Mas isso é facilmente resolvido quando você conhece os caminhos da ferramenta, qual será o uso( e como identificar), e como funciona o cache. Você verá tudo isso e muito mais sobre essa incrível ferramenta e ainda uma demo durante toda a apresentação.

16:00 às 16:30 Coffee-break e Networking

Durante o intervalo de coffee-break, serão entregues kits contendo suco e biscoitos. Um delicioso intervalo para relaxar, conhecer novas pessoas e estreitar contatos.

Neste tempo, também surge a oportunidade de todas as pessoas no evento interagirem entre sí, participantes das trilhas, empresas patrocinadoras e apoiadoras, palestrantes e coordenadores.

16:40 às 17:30 Conheça o Databricks e engaje o seu cliente com o Power BI!
Meirieli Ribeiro / Igor George Abdo

Nesta palestra, temos o objetivo de explicar o que é a ferramenta de Cloud Azure DataBricks, como ela funciona, a criação de cluster, notebooks, execução de código demo que poder ser em SQL, Python ou R e a demonstração de uso da biblioteca de criação de gráficos.

Aproveitando a integração do Spark com o Power BI, faremos a criação dos mesmos objetos no Power BI, porém ressaltando o ganho de velocidade, falicilidade e uma melhor apresentação visual.

Power BI - Contextos dos cálculos, Motores do DAX e a influência no desempenho do seu painel
Fernando Augusto Garcia Martins

Quando realizamos cálculos no Power BI, utilizamos o DAX (Data Analysis Expressions) para criar colunas calculadas e medidas. Dentre os contextos existentes no DAX, destacaremos dois deles (ROW, FILTER) em uma DEMO que irá evidenciar as diferenças de performance existentes que irão garantir um painel mais leve e eficiente, apresentando os detalhes dos motores de cálculo: Formula Engine e Storage Engine

17:40 às 18:30 Como mudamos a relação do Governo de SC com os seus dados
Fabio Thomaz

O Governo do Estado de SC possui dados espalhados nos diversos órgãos que compõe a sua estrutura. Cada órgão possui, além dos sistemas corporativos, aplicações setoriais produzindo dados que precisam ser acessados pelos gestores e por outros órgãos do Governo. Nessa palestra veremos como o CIASC (empresa de TI do Estado de SC) mudou a maneira como o Estado de SC trabalha com os seus dados, centralizando-os em uma plataforma única e facilitando o compartilhamento, a análise, a integração e o cruzamento de dados. Tudo isso de maneira segura e preservando investimentos já realizados pelo Estado.

Usando o pattern CDC (Change Data Capture) para obter eventos de sistemas legados
Renato Sardinha

Seria maravilhoso começar um projeto de engenharia de dados do zero, sem nenhuma dependência, não é? Mas isso não é o que ocorre na maioria das empresas. Sempre existe algum sistema legado, geralmente o famoso monolito. Nesses casos, como extrair eventos? Devemos instrumentar todo o código para isso? Nessa apresentação irei mostrar como utilizar o conceito de CDC para obter os eventos rapidamente sem ter que alterar um linha de código do sistema legado, olhando somente para o banco de dados

18:40 às 19:00 Encerramento e Sorteios

No horário de encerramento, todas as trilhas serão direcionadas de suas salas para o Auditório Principal, mesmo local da abertura.

Após a apresentação de resultados do dia, muitos sorteios fecharão o dia.

Data e Local

Sexta-feira, 26 de Abril de 2019

10 às 19 h

CentroSul

Av. Governador Gustavo Richard, 850
Centro | Florianópolis - SC

Informações sobre Data e Local


Público Alvo

Arquitetos, desenvolvedores, analistas, cientistas e engenheiros de dados


Investimento

presencial:R$ 220,00

Fazendo sua inscrição presencial, você terá acesso a esta trilha e no mesmo dia também:
TDC Expo: Venha conversar com pessoas e conhecer empresas incríveis.
Trilha Carreiras: Você poderá assistir às palestras da trilha Carreiras do mesmo dia.
Trilha Stadium: Você poderá assistir às palestras da trilha Stadium do mesmo dia.


Palestrantes desta trilha

Arthur Luz
Arthur Luz
Microsoft
Meirieli Ribeiro
Meirieli Ribeiro
Programmers
Rodrigo Dornel
Rodrigo Dornel
RDornel Data eXperts - RDX
Wiluey Queiroz de Sousa
Wiluey Queiroz de Sousa
WQS Database Skills