TDC 2018
São Paulo
Um dos maiores encontros de comunidades e empresas no Brasil

Trilha Kanban e Lean Agile, Lean, Scrum e Kanban. Sua diferenças, prós e contras

Atualmente temos uma tendencia forte em atuar não só com o ágil, mas ter uma preocupação no Lean mindset.

Ainda há dúvidas sobre este tema que está sendo difundido agora, e a oportunidade é para quem está começando ou já é experiente em uma organização.

Nesta trilha você poderá saber sobre o Lean Thinking com o Ágil e poderá aprender e compartilhar o que as organizações estão fazendo!

Palestras

Importante: A grade de palestras está sujeita a alterações sem prévio aviso.
Conteúdo
07:30 às 09:00 Credenciamento e recepção dos participantes

Todas as pessoas inscritas, palestrantes, coordenadores e de imprensa, devem retirar seus crachás e kit do congressista nos balcões de credenciamento localizados na entrada do evento, para obterem acesso às salas e Auditório Principal.

09:00 às 10:00 Abertura do evento no Auditório Principal

Após o credenciamento, convidamos os participantes a comparecerem ao auditório para receberem as boas vindas por parte dos realizadores e patrocinadores.

Neste keynote de abertura, todos serão orientados sobre o funcionamento do evento, destaques e outras novidades.

10:10 às 11:00 Do Scrum ao Kanban, passando pelo Scrumban: lições aprendidas do desenvolvimento de software
Natalia Manha

Desde 2001 com o manifesto ágil, vimos o crescimento da adoção de ágil nas áreas de desenvolvimento, especialmente com a popularização do Scrum. Como metodologia, o Scrum é prescritivo em seus papeis, práticas e cerimônias, auxiliando os times que estão começando. Mas, após algum tempo, muitos times acabam abandonando o uso de sprints, com planejamento e retros, em nome da entrega contínua ou das demandas imprevisíveis, ficando apenas com um quadro que muitas vezes não contemplam as práticas do Kanban, loops de feedback ou métricas de processo. O objetivo dessa apresentação é, baseado nas experiências com essas equipes, resgatar essas práticas para melhoria contínua.

11:10 às 12:00 Pequenos grandes atos de liderança transformadores em Kanban
Michelle Moraes Teodoro

Quando falamos da implementação Kanban dentro de uma empresa vários desafios surgem nessa abordagem evolucionária. Devemos começar trabalhando com o cenário atual, mas e ai? Nessa palestra vamos navegar nos desafios que enfrentamos ao transformar um departamento global de aproximadamente 500 pessoas. Também minha experiência pessoal e compartilhar casos reais como pequenos atos de liderança, de pessoas comuns, podem fazer uma grande diferença no uso do Kanban.

WIP Limit: Be Close, Be Tight & Be Friend
Marcus Flavius da Silva / David Marques Garcia

Uma das primeiras lições que se aprende ao abordar o método Kanban é que o WIP deve ser limitado. Mas ninguém te conta como fazer isso de uma maneira que garanta produtividade aos sistemas medidos e que te deixe confortável, certo? Então vem com a gente poque é exatamente esse o ponto em que vamos tocar nessa talk, trazendo uma boa mistura de reflexões e cases reais.

12:00 às 13:00 Intervalo para Almoço
Uma excelente oportunidade de todas as pessoas no evento interagirem e trocarem ideias, colaboradores, empresas patrocinadoras e apoiadoras, palestrantes e coordenadores.
13:10 às 14:00 STATIK: Dicas para quem está começando e provocações para quem já pratica
Luiz Rodrigues / Walter Ramos da Silva Jr

Systems Thinking Approach to Introducing Kanban, ou STATIK, apesar do nome rebuscado, é mais simples do que parece. Segundo o pai do Kanban, David Anderson, STATIK é a principal abordagem para quem quer adotar Kanban.

Se você nunca ouviu falar sobre STATIK, ou só vê o termo por aí mas não sabe do que se trata, esta sessão é para você!

Se você já colocou o STATIK em prática e está aberto a rever seus conceitos comparando suas aplicações com outras de diversos contextos, esta sessão também é para você! ;)

Mantendo o tradicional pragmatismo do Kanban, esta sessão trará dicas e provocações de aplicações feitas em ambientes reais de tecnologia, jurídicos e auditoria.

Evoluindo usando a vazão: dobrando a entrega com o Kanban
HENRIQUE MATTIELLO

Trabalhando em um empresa pública, a equipe em que atuo tem buscado mensurar efetivamente a evolução da nossa forma de trabalho e se os nossos experimentos tem apontado para um resultado positivo desde o final de 2014. Começamos a utilizar Kanban como forma de organização do desenvolvimento de soluções e a utilizar a vazão de entrega (throughput) como forma para verificar essa evolução, utilizando-a também como meta "moral" da equipe (focada na motivação intrínseca) e análise de como está o comportamento do fluxo de trabalho. Deste modo, mudamos algumas formas de atuação (visualização, diminuição do tamanho das demandas e WiP) e dobramos a entrega.

14:10 às 15:00 Visualizando o lead time de múltiplos times
Daniel Araujo Domingues

Apresentação de uma visualização composta que fornece as principais informações de leadtime ou cycletime de múltiplos times para tomada de ação por parte das próprias equipes e por parte dos gestores e PMO. O exemplo utiliza estatística básica para identificação de cenários atípicos, grandes variações e diferenças de comportamento explícitas com recursos objetivos como gráfico de caixa, de dispersão e linhas para análise. Também é apresentado possíveis usos da biblioteca em JavaScript do RAWGraphs para visualização simples, dinâmica e customizável no navegador a partir de um arquivo.

Não chame um goHorse de Kanban
André Suman Pereira

Kanban vem conquistando cada vez mais espaço nas empresas de software. Por se tratar de uma abordagem evolucionária e pouco prescritiva, é comum encontrarmos times chamando de ?Kanban? as mais diversas bizarrices. Venha conhecer Kanban na prática, com seus princípios, valores, métricas e kaizens.

15:00 às 15:30 Coffee-break e Networking

Durante o intervalo de coffee-break, serão entregues kits contendo suco e biscoitos. Um delicioso intervalo para relaxar, conhecer novas pessoas e estreitar contatos.

Neste tempo, também surge a oportunidade de todas as pessoas no evento interagirem entre sí, participantes das trilhas, empresas patrocinadoras e apoiadoras, palestrantes e coordenadores.

15:40 às 16:30 Obtenção de Métricas Automáticas com Actionable Agile
Allex Espindola Erckmann

O foco desta palestra será a demosntração de como obter métricas automáticas por meio da ferramenta Actionable Agile e evidênciar o benefício da sua utilização para você que aplica o método Kanban. Pare de perder horas do seu dia gerando relatórios manuais e buscando informações paralelas à sua ferramenta de trabalho.

Como revolucionamos nossa empresa implementando Lean e Kanban
Gustavo Ramos / Iara Sobrinho

Em 1 ano revolucionamos nossa forma de fazer e pensar, com mudanças estratégicas e de mindset, visando criar um ambiente mais ágil e produtivo. Começamos implementando o Lean, enquanto mindset, e usamos como principal ferramenta visual para ele, o Kanban. Como resultado aceleramos nossos processos, implementamos OKR, organizamos os processos e ainda ganhamos o Great Place to Work. Agora queremos mostrar como fizemos tudo isso na prática, passando por dicas, boas práticas, dificuldades e ferramentas utilizadas, tudo isso voltado a realidade de uma microempresa, onde uma pessoa é responsável por muitos processos.

16:40 às 17:30 Os desafios da transição do Scrum para o Kanban
Pascoal Pinto Vernieri / FILIPI MACHADO DOS SANTOS

A ideia é que possamos apresentar nossa experiência com os principais desafios e fracassos vividos no momento da transição de um time de 9 pessoas responsáveis pela entrega de um produto onde trabalhavam com SCRUM e passaram a trabalhar com o método KANBAN. Trabalhavam com conceito de "time" e tinham objetivos claros a cada 2 semanas quando atuavam com SCRUM, porém no momento que transitamos para o método KANBAN os mesmos sofreram muitas dificuldades. A ideia é explorar todo este aprendizado e compartilhar afim de evidenciar que em alguns casos a mudança não é tão sadia quanto parece, precisa-se analisar e planejar bem antes de qualquer tomada de decisão.

CONWIP: uma outra opção para restrição do WIP
Felipe de Alencar Albuquerque

Os times nos quais trabalho possuem um mindset ágil há anos, e com o passar do tempo incorporamos naturalmente a filosofia Lean. Isso significa que, dentre outros fatores, começamos a observar com atenção a eficiência de nosso fluxo de valor. Trabalhávamos com Scrum quando começamos a observar melhor nosso fluxo, e tínhamos uma eficiência baixa de fluxo. Optamos por utilizar Kanban para deixar o fluxo mais eficiente e tivemos sucesso. Porém ainda víamos possibilidades de melhorias na limitação de WIP. Estudando um pouco do mundo acadêmico de manufatura, encontrei o CONWIP. Aplicamos no time e conseguimos aumentar nossa eficiência, além de tornar a limitação de WIP mais natural para nós.

17:40 às 18:30 Por que mudamos nossa forma de trabalhar depois que conhecemos o Kanban?
Sony Maia

Nessa palestra conto como foi a mudança de mindset dos times que passei depois de conhecer um pouco mais sobre: fluxo puxado, visão sistêmica, métricas como leadtime e throughput. E a resistência na hora de limitar o WIP será que isso realmente funciona?

Debate

The Developer´s Conference São Paulo 2018

Trilha Kanban

18:40 às 19:00 Encerramento e Sorteios

No horário de encerramento, todas as trilhas serão direcionadas de suas salas para o Auditório Principal, mesmo local da abertura.

Após a apresentação de resultados do dia muitos sorteios fecharão o dia.

Data e Local

Sábado, 21 de Julho de 2018

10 às 19 h

Universidade Anhembi Morumbi

Rua Casa do Ator, 275
Vila Olímpia | São Paulo - SP

Informações sobre Data e Local


Público Alvo

Scrum Masters, Product Owners, Agile Coaches, Gerentes de Produto, Gestores de Projetos


Investimento

presencial:R$ 265,00

online: R$ 90

Fazendo sua inscrição presencial, você terá acesso a esta trilha e no mesmo dia também:
TDC Expo: Venha conversar com pessoas e conhecer empresas incríveis.

Trilha Stadium: Você poderá assistir às palestras da trilha Stadium do mesmo dia.


Patrocinadores

Diamond





Patrocinio TDC Online


Patrocinios e Apoios Trilha e Workshop


Realização

Companhia Aérea Oficial