TDC 2018
Porto Alegre
Um dos maiores encontros de comunidades e empresas no Brasil

Trilha Acessibilidade Ao remover barreiras para conectar pessoas, criaremos uma ponte para a igualdade

A acessibilidade digital visa eliminar barreiras no acesso a produtos, serviços e outros recursos tecnológicos, permitindo que pessoas com deficiência tenham os mesmos direitos e condições de autonomia das demais pessoas.

Em um país com mais da metade da população conectada à Internet, a discussão sobre a acessibilidade nos meios digitais se faz fundamental, já que quase 25% da população tem algum tipo de deficiência que pode impactar seu acesso a conteúdos digitais.

Permitir que pessoas com deficiências possam utilizar a tecnologia sem obstáculos não é mais um diferencial para as empresas de tecnologia, mas um direito de todo cidadão, que ganhou maior respaldo após a Lei Brasileira de Inclusão.

Nesta trilha serão apresentados os principais estudos e cases sobre a acessibilidade digital, desde boas práticas para programação até aplicações das mais diversas áreas, como Internet das Coisas, Aplicações Web, Tecnologia assistiva dentre muitos outros.

Palestras

Importante: A grade de palestras está sujeita a alterações sem prévio aviso.
Conteúdo
08:00 às 09:00 Credenciamento e recepção dos participantes

Todas as pessoas inscritas, palestrantes, coordenadores e de imprensa, devem retirar seus crachás e kit do congressista nos balcões de credenciamento localizados na entrada do evento, para obterem acesso às salas e Auditório Principal.

09:00 às 10:00 Abertura do evento no Auditório Principal

Após o credenciamento, convidamos os participantes a comparecerem ao auditório para receberem as boas vindas por parte dos realizadores e patrocinadores.

Neste keynote de abertura, todos serão orientados sobre o funcionamento do evento, destaques e outras novidades.

10:10 às 11:00 Sou deficiente auditiva e daí?
Natalia Raythz
  • Introdução
  • Obstáculos
  • Carreira
  • Quem sou eu
Inclusão de pessoas com deficiência auditiva em times ágeis
Ian Rosadas / Caren Moraes

Permitir que pessoas com deficiências possam utilizar a tecnologia sem obstáculos é um direito de todo cidadão, e este tem se tornado mais difundo após a Lei Brasileira de Inclusão. Mas e quanto a inclusão das pessoas com deficiências nas empresas e nos times que criam estas tecnologias? Nesta apresentação iremos compartilhar a nossa experiência trabalhando em equipes ágeis onde a inclusão de pessoas com deficiência auditiva era realidade. Iremos dar exemplos práticos de como o time se adaptou a esta realidade e como a diversidade beneficiou o time.

11:10 às 12:00 A definir
12:10 às 13:00 Inovação Maker para Pessoas com Deficiência Visual
Tarciana Katter

Esta apresentação é um relato de experiência do curso dado, resultado da parceria entre a t-access e o Porto Digital, no Recife. Foram 60 horas de conteúdos sobre empreendedorismo, habilidades comunicacionais e tecnologias assistivas, onde os alunos e alunas com deficiência visual, puderam avaliar que problema iriam resolver, fazer brainstorming e validar as suas ideias, construir protótipos em papel, testar seus protótipos e evoluir seus projetos para a construção de tecnologias assistivas, utilizando sensores de presença e arduíno acessível. Todos os projetos foram feitos em grupo, para que eles pudessem desenvolver também as habilidades de trabalho em equipe.

13:10 às 14:00 Intervalo para Almoço
Uma excelente oportunidade de todas as pessoas no evento interagirem e trocarem ideias, colaboradores, empresas patrocinadoras e apoiadoras, palestrantes e coordenadores.
14:10 às 15:00 Achou que CSS não tem a ver com Acessibilidade? Achou errado!
Lucas Silva

Muitas pessoas estudam CSS há anos e cometem diversos erros. Diversas coisas não são informadas em documentações e só descobrimos na prática e olhe lá. Muitas coisas que fazemos funcionam, mas por um outro lado, prejudicam diversos usuários, principalmente pessoas com deficiência. Nesta palestra, vamos tentar tirar vários vícios que possuímos e aprender diversas dicas para fazer CSS acessível e que proporciona uma boa experiência de usuário.

Testes de Acessibilidade - Porque todos tem direito à qualidade.
Luana Linares / Caroline Ita

Embora esteja em crescimento no Brasil, os testes voltados para acessibilidade são um mundo desconhecido para empresas e profissionais. O intuito dessa palestra é clarear a mente, abordando alguns conceitos e boas práticas no teste de acessibilidade, elevando a qualidade do nosso software e o tornando tangível a todos, independente de sua deficiência.

15:10 às 16:00 Transformando sites com barreiras de comunicação em sites acessíveis!
THABATA DE OLIVEIRA MARCHI TAMURA

Quantos sites com barreiras existem hoje em dia? Milhares, certo? E parece ser tão difícil conseguir deixá-los acessíveis, não é mesmo!? Errado! É possível transformá-los! Aprenda como trabalhar a acessibilidade em seus sites, mesmo quando parece impossível modificá-los!

16:00 às 16:30 Coffee-break e Networking

Durante o intervalo de coffee-break, serão entregues kits contendo suco e biscoitos. Um delicioso intervalo para relaxar, conhecer novas pessoas e estreitar contatos.

Neste tempo, também surge a oportunidade de todas as pessoas no evento interagirem entre sí, participantes das trilhas, empresas patrocinadoras e apoiadoras, palestrantes e coordenadores.

16:40 às 17:30 Disce Braille - Tecnologia assistiva de baixo custo para o aprendizado da leitura em Braille
GEORGE VILNEI ARBOITE GOMES

Apresentação do projeto, que consiste em uma aplicação mobile (iOS) e um dispositivo construído com Arduino, com objetivo de auxiliar a aquisição da leitura em Braille.

17:40 às 18:30 Acessibilidade e semântica nas publicações digitais em formato ePub 3: toda a informação para todos
Jose Fernando Tavares

Os livros digitais em formato ePub3 estão sendo usados para codificar os conteúdos que antes eram exclusivos do impresso, permitindo assim o acesso a conteúdos que, se bem estruturados semanticamente podem ser lidos por softwares leitores de tela e podem ser a base de sistemas inteligentes. A acessibilidade baseada em uma boa semântica constitui-se assim não somente como necessária e fundamental para atingir todas as pessoas mas também dar a acesso a toda a informação

AVs para serem ouvidos e não vistos: Uma Avaliação de Acessibilidade em Assistentes Virtuais para PDVs em dispositivos móveis
Berg / Marcelo Anjos

Dados do Censo de 2010 publicado pelo IBGE, estimam que existam mais de 6,5 milhões de pessoas com deficiência visual no Brasil, sendo 582 mil com perda total de visão e 6 milhões com baixa. Conhecer a realidade das pessoas com deficiência é algo de extrema importância para se entender suas particularidades, em especial no tocante à forma como interagem com o smartphone. A interação através de toque ainda traz algumas barreiras, como por exemplo, a dificuldade de localização dos componentes da interface.Diante desse quadro, os AVs demonstram-se uma possibilidade de facilitadores no processo de auxílio às atividades diárias que possam ser mediadas por dispositivos móveis.

18:40 às 19:00 Encerramento e Sorteios

No horário de encerramento, todas as trilhas serão direcionadas de suas salas para o Auditório Principal, mesmo local da abertura.

Após a apresentação de resultados do dia muitos sorteios fecharão o dia.

Data e Local

Quinta-feira, 6 de Dezembro de 2018

10 às 19h

UniRitter

Rua Orfanotrófio, 555
Alto Teresópolis | Porto Alegre - RS

Informações sobre Data e Local


Público Alvo

Desenvolvedores web e mobile, designers, analistas de teste, gestores de TI, funcionários do setor público e privado e pesquisadores


Investimento

presencial:R$ 200,00

Fazendo sua inscrição presencial, você terá acesso a esta trilha e no mesmo dia também:
TDC Expo: Venha conversar com pessoas e conhecer empresas incríveis.

Trilha Stadium: Você poderá assistir às palestras da trilha Stadium do mesmo dia.


Palestrantes desta trilha

Caren Moraes Nichele
Caren Moraes
Accenture
Caroline Ita
Caroline Ita
Webmotors
GEORGE VILNEI GOMES
GEORGE VILNEI ARBOITE GOMES
Apple Developer Academy
Jonysberg Peixoto Quintino
Berg
Projeto CIn/Samsung-UFPE
Jose Fernando Tavares
Jose Fernando Tavares
Booknando Livros
Lucas J Silva
Lucas Silva
Pagar.me
Marcelo Anjos
Marcelo Anjos
SIDI (Samsung Instituto de Desenvolvimento para Informática)
Natalia Raythz
Natalia Raythz
ADP Brazil Labs

Patrocinadores


Silver



TDC +Diversidade


Patrocínios e Apoios Trilha e Workshop


Realização

Companhia Aérea Oficial