TDC 2017
São Paulo
Um dos maiores encontros de comunidades e empresas no Brasil

Trilha Acessibilidade Ao remover barreiras para conectar pessoas, criaremos uma ponte para a igualdade

A acessibilidade digital visa eliminar barreiras no acesso a produtos, serviços e outros recursos tecnológicos, permitindo que pessoas com deficiência tenham os mesmos direitos e condições de autonomia das demais pessoas.

Em um país com mais da metade da população conectada à Internet, a discussão sobre a acessibilidade nos meios digitais se faz fundamental, já que quase 25% da população tem algum tipo de deficiência que pode impactar seu acesso a conteúdos digitais. Permitir que pessoas com deficiências possam utilizar a tecnologia sem obstáculos não é mais um diferencial para as empresas de tecnologia, mas um direito de todo cidadão, que ganhou maior respaldo após a Lei Brasileira de Inclusão.

Nesta trilha serão apresentados os principais estudos e cases sobre a acessibilidade digital, desde boas práticas para programação até aplicações das mais diversas áreas, como Internet das Coisas, Aplicações Web, Tecnologia assistiva dentre muitos outros.

Palestras

Importante: A grade de palestras está sujeita a alterações sem prévio aviso.
Conteúdo
08:00 às 09:00 Credenciamento e recepção dos participantes

Todas as pessoas inscritas, palestrantes, coordenadores e de imprensa, devem retirar seus crachás e kit do congressista nos balcões de credenciamento localizados na entrada do evento, para obterem acesso às salas e Auditório Principal.

09:00 às 10:00 Abertura do evento no Auditório Principal

Após o credenciamento, convidamos os participantes a comparecerem ao auditório para receberem as boas vindas por parte dos realizadores e patrocinadores.

Neste keynote de abertura, todos serão orientados sobre o funcionamento do evento, destaques e outras novidades.

10:10 às 11:00 Projeto CoCoa: Um Colete de Comunicação Alternativa
Mauro Pichiliani

Esta apresentação vai falar sobre o projeto CoCoA (Colete de Comunicação Alternativa), que é um colete vestível (weareable) conectado à internet que permite o acoplamento de símbolos táteis de comunicação alternativa para auxiliar pessoas com deficiência de fala ou não verbais.

A apresentação vai descrever a motivação, o público alvo, o design do projeto e os detalhes da construção deste wearable, incluindo diagramas, códigos fontes, componentes eletrônicos e a apresentação do protótipo

11:10 às 12:00 Estamos projetando para todas as pessoas?
Beatriz Bezerra

Embora a acessibilidade seja cada vez mais comentada e valorizada, ainda há resistência por parte de empresas em tornar seus produtos e/ou serviços acessíveis afirmando que os custos podem ser altos. Entre outros motivos, alegam falta de conhecimento ou experiência para adaptar os produtos e serviços para esse público pouco desconhecido até agora. Sem correr atrás para aprofundar os conhecimentos necessários e aprimorar a experiência de produzir produtos e serviços acessíveis, estaríamos subestimando a potencialidade no consumo, crescimento de novos mercados e, até mesmo, a inovação.

Trabalhando com um surdo em um time ágil
Felipe dos Santos de Morais / Ivan Rogério Diesel

Durante está palestra vou compartilhar as experiência de trabalhar com um surdo em um projeto de código aberto durante um 6 meses. Como faziamos as reuniões, os desafios de comunicação, como executávamos o pareamento, como a intérprete nos ajudava nisso tudo.

12:00 às 13:00 Intervalo para Almoço
Uma excelente oportunidade de todas as pessoas no evento interagirem e trocarem ideias, colaboradores, empresas patrocinadoras e apoiadoras, palestrantes e coordenadores.
13:10 às 14:00 A jornada de um programador Daltônico
Airton Aparecido Zanon

Uma pequena parcela de como algumas questões de cores simples podem afetar o dia a dia de um daltônico. Além de abordar algumas ferramentas que podem ajudar pessoas daltonicas, também algumas dicas para deixar um sistema mais acessível para essas pessoas.

Será abordado, não apenas as dificuldades que já enfrentei em softwares de programação, mas também sites, palestras e muitos outros casos que poderiam ter pensado nos daltônicos.

Como aplicar teste de usabilidade de um chatbot para pessoas com deficiência visual?
Erica Rodrigues / Alana Oliveira

A partir do desenvolvimento do projeto de um aplicativo para pessoas com deficiência visual, cuja

solução foi criar uma interface conversacional (chatbot), o roteiro foi a principal ferramenta de

validação para as hipóteses propostas, com isso surgiu uma grande dúvida: como fazer o teste desse

chatbot para validar a conversa da interface com o usuário? A ideia foi simular o robô da interface

conversando com um usuário que tem cegueira total e validar as possíveis respostas que a interface

deveria dar ao usuário. Os resultados desse teste trouxeram uma avaliação muito rica e eficaz

perante nossa primeira proposta de roteiro e quais mudanças deverão ser feitas antes do próximo

teste.

14:10 às 15:00 Acessibilidade como Compliance e a Abordagem Equivocada nas Empresas.
Clécio Bachini

Com a aprovação da Lei Brasileira de Inclusão, muitas empresas estão se apressando para adequar seus sites e produtos digitais às normas vigentes. Mas a abordagem puramente jurídica está criando mais problemas do que soluções. Muitas empresas estão aplicando remendos e soluções supostamente mágicas para tentar fugir de penalidades, porém, sem um planejamento de Arquitetura de Informação, UX ou até mesmo foco verdadeiro nas pessoas com deficiência. Essa palestra apresenta a importância do compliance em acessibilidade visando o desenvolvimento centrado nas pessoas.

15:00 às 15:30 Coffee-break e Networking

Durante o intervalo de coffee-break, serão entregues kits contendo suco e biscoitos. Um delicioso intervalo para relaxar, conhecer novas pessoas e estreitar contatos.

Neste tempo, também surge a oportunidade de todas as pessoas no evento interagirem entre sí, participantes das trilhas, empresas patrocinadoras e apoiadoras, palestrantes e coordenadores.

15:40 às 16:30 Desenvolvendo formulários acessiveis
Deivid Marques

Formulários é uma das principais partes de um projeto, pois através dele o usuário entra em contato, efetua cadastro, faz compras, entre outros. Qual a importância e a necessidade desse formulário ser acessível para um deficiente visual. Essa palestra será divido em 2 partes, onde a primeira darei dicas de desenvolvimento com javascript, css e html e a segunda parte mostrando resultado na prática usando um leitor de tela.

16:40 às 17:30 Acessibilidade com Usabilidade ? Um caminho para o desenvolvimento de aplicativos móveis acessíveis
Marcelo Anjos

Pessoas com deficiência e idosos tendem a ter mais dificuldades ao usar aplicativos para celulares. Por isso, o desenvolvimento de tais aplicativos requer uma atenção especial. Vários aspectos de projeto precisam ser revistos ou adaptados para garantir um fácil uso de suas funcionalidades. Nesta palestra iremos mostrar o processo de criação de um guia de desenvolvimento de aplicativos móveis acessíveis e também discutiremos alguns requisitos relacionados a interface, navegação e interação dos aplicativos. Nosso objetivo é que este guia possa motivar e ajudar no desenvolvimento de aplicativos acessíveis cujo mercado corresponde a 24% da população brasileira e ainda é carente de mais opções.

SDKs e APIs para um Mundo Acessível
Jackson Feijó Filho

As grandes empresas de tecnologia têm se posicionado com firmeza frente às grandes necessidades de usuários com limitações e suas novas ferramentas (super interessantes!) estão à disposição dos desenvolvedores. Para entusiastas e curiosos, para disruptores e desbravadores de fronteiras de interações humano-computador - essa palestra visa demonstrar as APIs e SDKs mais recentes para o desenvolvimento de novas tecnologias em Acessibilidade.

17:40 às 18:30 Acessibilidade para cidadania: uma avaliação de usabilidade e acessibilidade da urna eletrônica
Talita Cristina Pagani Britto / Mauro Pichiliani

A urna eletrônica brasileira é o sistema computacional mais utilizado no Brasil e é considerado um dos principais instrumentos usados ??para representar e reforçar a democracia. Muitos estudos da área de computação se dedicam à segurança e confiabilidade da urna, enquanto faltam estudos sobre a acessibilidade, considerando que o público-alvo é muito diversificado. Nesta palestra, mostraremos o resultado de uma avaliação heurística de acessibilidade da urna, apresentando recomendações e sugestões de design que podem reduzir a confusão do eleitor, diminuir o número de erros de digitação e aumentar a acessibilidade para os eleitores com necessidades especiais.

Incorporando acessibilidade no seu projeto: do zero à prática
Luiz Corte Real

Você acredita que a web deveria ser acessível a todos? Quer deixar seu projeto mais acessível mas não sabe por onde começar? Nesta apresentação, vou contar como estamos aprendendo, aos poucos, o que significa ser acessível. Também vou contar como estamos aprendendo técnicas para deixar o site do Elo7 mais acessível para todos, tudo isso passando pelos erros, acertos e incertezas. Vou compartilhar o que tem e o que não tem funcionado para nós, e quais os desafios que ainda esperamos encontrar pela frente.

18:40 às 19:00 Encerramento e Sorteios

No horário de encerramento, todas as trilhas serão direcionadas de suas salas para o Auditório Principal, mesmo local da abertura.

Após a apresentação de resultados do dia muitos sorteios fecharão o dia.

Data e Local

Quinta-feira, 20 de Julho de 2017

8:30 às 19:00 h

Universidade Anhembi Morumbi

Rua Casa do Ator, 275
Vila Olímpia | São Paulo - SP

Informações sobre Data e Local


Público Alvo

Desenvolvedores web e mobile, designers, analistas de teste, gestores de TI, funcionários do setor público e privado e pesquisadores


Investimento

presencial:R$ 240,00

Fazendo sua inscrição presencial, você terá acesso a esta trilha e no mesmo dia também:
TDC Expo: Venha conversar com pessoas e conhecer empresas incríveis.
Embarcados Experience: Venha conferir informações de qualidade que auxiliam em projetos eletrônicos e servem para atualização do conhecimento.
Trilha Stadium: Você poderá assistir às palestras da trilha Stadium do mesmo dia.


Patrocinadores